©

não sou safada, cê que provoca

Me sinto tão bem, tão segura, tão longe de qualquer problema. É como se o mundo estivesse desabando, mas com ele do meu lado me sinto protegida de tudo.
Dor da escrita   (via insanitar)
Mas eu sinto falta, mesmo sabendo que não deveria sentir absolutamente nada.
Carol Alves, promisse.  (via silenciadores)
Ela tinha 14 e ele 21, eram totalmente diferentes. Ela gostava de Rock e ele de Rap, ele fazia bico nos horários vagos e ela estudava na casa das amigas. Isso aconteceu em 1974, e foi tudo por acaso. - Dizia a filha deles.
Anonymous. (via bosheit)